Atividade física

0 Love

Muita gente entende o sódio como um mal à saúde. Sempre que ouvimos falar dele, nos remetemos à retenção hídrica e logo pensamos em inchaço, que dá uma aparência de acúmulo de gordura. Mas o sódio é realmente um vilão? E aos praticantes de atividade física? Primeiramente, o problema da ingestão de sódio em alimentos é evidente. Óbvio que alimentos congelados ou embutidos têm uma quantidade exorbitante do sal, e isso não faz bem à saúde nem um pouco. Seu excesso irá prejudicar o corpo, sua aparência e seu funcionamento, principalmente nos rins, uma vez que são eles que precisam eliminar o excesso de sódio do organismo. Mas e a falta dele?

O sódio tem papel importantíssimo no balanço hídrico da água em nosso corpo. Ajuda inclusive no transporte de inúmeros nutrientes em nosso sangue. Sem ele, o transporte e consequentemente a absorção desses nutrientes ficam comprometidos. E quando falamos em atividade física, então, isso fica mais preocupante. Pelo suor, eliminamos uma boa quantidade de sais minerais, tais como o próprio sódio, magnésio, ferro e potássio, o que pode acarretar problemas como câimbra, dores de cabeça e fadiga excessiva.

Hidratar muito e tomar bebidas como isotônicos pode sanar o problema. Mas tenha em mente que o excesso de sódio faz sim mal, então precisamos ficar atentos à dieta como um todo, preocupando-nos em não consumi-lo em excesso nem deixar faltá-lo.

Se você for um atleta de endurance (resistência), que faz exercícios de longa duração, o interessante é se hidratar com isotônicos durante o treino. Existem também suplementos eletrolíticos que comprem essa função. O importante é se exercitar com saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esquadrão da moda