Alongamento

0 Love

Muitas são as dúvidas que envolvem esse simples mas eficaz meio de melhora da flexibilidade. Mas qual a importância de se ter uma boa flexibilidade? Qual a melhor hora do dia para realizarmos? Antes da atividade física? Depois? Os dois ou nenhum… Bom, vamos lá.

O alongamento consiste em um conjunto de técnicas onde o objetivo é esticar estruturas do músculo e fibras musculares para manter ou aumentar a amplitude de determinados movimentos e aumentar também o comprimento do músculo, fazendo com que uma maior quantidade de sangue circule nessa região específica em um dado momento. Isso proporciona inclusive um melhor transporte de sangue para a região, o que melhora também seu aporte de nutrientes. Lembre-se, quanto mais alongada a musculatura, maior será a movimentação da articulação envolvida, facilitando seu trabalho na hora da atividade em si.

Dentro desse processo, temos dois tipos distintos de alongamento, o ativo e o passivo. Qual a diferença? No ativo, quem faz o trabalho é a própria pessoa, determinando assim seu limite e capacidade muscular. No passivo, existe uma ajuda externa, normalmente um professor de Educação Física, onde quem faz a força e determina a amplitude é o professor. Isso acaba ajudando no processo, pois permite forçar e evoluir um pouco melhor.

O ideal mesmo seria fazer o alongamento num período diferente do de treino. Por exemplo, se você faz um treino noturno, a melhor coisa a fazer é alongar pela manhã. Vamos supor que você fez um treino pesado de pernas na academia. O objetivo do treino é lesionar as fibras musculares, para na recuperação, com uma alimentação adequada, o músculo se recupere e evolua. Mas repare que se fizermos alongamento logo depois desse treino, você irá alongar mais ainda as fibras já lesionadas, podendo machucar o músculo.

Talvez antes do exercício seja uma boa alternativa, mas não é uma necessidade. A necessidade em si é se alongar!

Comentários

  1. jane dangelo fiorentino 9 de outubro de 2013 at 20:32
    Responder

    Alongar-se sempre e ter consciência da sua importância.
    Muito esclarecedora sua explicaçào. Bjo querido Rafhael.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esquadrão da moda