Tarefas de criança

0 Love

Criança que trabalha não dá trabalho. Não se trata de “trabalho infantil”: podemos trocar a palavra trabalho por “brincar de trabalhar”.

A italiana Maria Montessori, nascida em 1870, pedagoga, psiquiatra, filósofa, pesquisadora e educadora, pelo método por ela criado transformou a pedagogia no mundo inteiro.

Seu método diz que a criança é um ser completo, totalmente capaz, criativo e produtivo. Ela apenas precisa de liberdade para desenvolver suas atividades, pois torna-se pessoa através do trabalho e de sua sede de conhecimento.

As mesinhas, cadeirinhas e pias baixinhas próprias para crianças foram criadas por Maria Montessori.

Assim que a criança sai das fraldas, algumas tarefas do dia a dia podem ser realizadas.

Aos poucos a ensinamos, com nossos próprios exemplos, a ter uma pequena autonomia, cuidando de si mesma e ajudando em casa.

Podemos supervisionar, mas não ficar em cima, para que ela descubra sozinha como fazer melhor.

Algumas tarefas podem fazer com que ela se interesse mais em comer o alimento que descascou ou cortou.

Uma sinal de que está conseguindo uma nova forma de agir é ver a criança feliz!

 

Uma tabela de metas

 

De 2 a 3 anos

  • Guardar brinquedos
  • Tirar o prato da mesa
  • Guardar sapatos
  • Colocar a roupa suja no cesto
  • Limpar pequenas superfícies
  • Pegar frutas e legumes da fruteira, descascar mexerica, banana
  • Pôr guardanapo na mesa
  • Tirar a própria roupa

 

De 4 a 5 anos

  • Arrumar a cama
  • Guardar as roupas
  • Ajudar a pôr a mesa
  • Tirar o pó
  • Regar as plantas

 

De 6 a 8 anos

  • Lavar a louça
  • Pôr e tirar a mesa
  • Tirar o lixo da casa
  • Varrer
  • Lavar o quintal
  • Guardar compras
  • Pendurar roupa no varal de chão

 

De 9 a 11 anos

  • Preparar lanches rápidos
  • Limpar móveis
  • Limpar espelhos
  • Trocar a roupa de cama
  • Cuidar dos animais de estimação
  • Ajudar no preparo das refeições
  • Guardar a louça
  • Fazer lista de compras simples em supermercado

 

De 12 a 14 anos

  • Limpar o banheiro
  • Pôr roupa para lavar
  • Passar pano no chão
  • Cuidar das plantas
  • Cuidar dos irmãos mais novos
  • Preparar pequenas refeições
  • Fazer compras rápidas
  • Separar contas para pagar

 

Expectativa e realidade

Tudo é muito bom na teoria, mas vamos tentar na prática? Pode dar certo!

Basta ter paciência para ensinar – é necessário termos crianças e adolescentes mais participantes e compreensivos dentro de casa.

 

Abraços

Jane Fiorentino

 

O conteúdo deste post é de inteira responsabilidade do autor – escrito por Jane Fiorentino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esquadrão da moda