Erro ao perder peso

0 Love

A maneira mais comum que as pessoas buscam para tentar perder peso é apenas fazer dieta, contando com um déficit calórico ao final do dia. Isso funciona até certo ponto. Porém, quando nosso corpo se acostuma com o estilo da dieta seguida, a perda de peso desacelera. Daí pra frente, ou se diminui mais ainda o consumo calórico diário, ou não se emagrece mais. Isso é ruim em vários aspectos, pois o corpo precisa de energia, precisa de massa muscular para ser saudável. Por isso, o mais correto sempre é aliar a dieta com atividade física. Mesmo assim, emagrecer sempre é um fato inconstante, e muitas vezes um processo mais lento do que gostaríamos. Cada corpo reage de uma maneira diferente. Portanto, é seu dever prestar atenção em você e nas suas peculiaridades.

Aí você muda tudo e mesmo assim seu corpo dá aquela estagnada depois de um tempo; não emagrece mais. Talvez você esteja cometendo alguns dos erros abaixo.

 

Não dar sequência nos treinos: isso é muito comum pra quem não gosta muito de treino. Começa, para, vai e volta. O corpo precisa de sequência. Não exija demais de você. Se está cansado ou com preguiça, não precisa se matar no treino, mas dê algum estímulo para o seu metabolismo continuar ativo!

 

Fazer somente exercícios aeróbicos: é um mito pensar que apenas exercícios aeróbicos ajudam a emagrecer. O gasto calórico pode ser tão grande ou maior num treino bem feito de musculação, circuito, funcional…

 

Apenas exercícios longos queimam gordura: durante muito tempo acreditou-se que, quanto mais tempo se exercitava, maior era o emagrecimento. Porém, hoje se sabe que estímulos diferentes e mais intensos, mesmo mais curtos, causam um efeito ótimo no corpo.

 

Perder musculatura: com o emagrecimento, junto com a perda de gordura, inevitavelmente ocorre perda de massa muscular, principalmente se a dieta é muito restritiva. Se não fizer musculação, pior ainda. Resultado – flacidez, apesar da perda de peso. É importante destacar que, quanto mais musculatura no corpo, mais energia nosso organismo gasta por dia, resultando em mais queima de gordura!

 

Fazer sempre o mesmo treino: tem gente que gosta muito de uma modalidade especifica. Musculação, corrida, natação, ciclismo e por aí vai. Porém, às vezes a coisa fica fácil demais. Aumentar peso, intensidades e distância para mudar o estímulo é importante. Mesclar as atividades também pode ser uma boa.

 

Alimentação: “treinar pra poder comer” é uma frase comum no meio da atividade física. Até certo ponto não está totalmente errado, mas isso varia de pessoa pra pessoa. Lembre-se que as calorias queimadas durante o dia precisam ser maiores que as consumidas. Ou seja, treinar e comer à vontade está errado! Dieta não é só comer menos ou deixar de comer frituras e açúcares. Pesquise sobre isso, vá atrás. Procure uma nutricionista e reveja seus conceitos!

 

Se você tiver alguma dúvida, mande suas perguntas nos comentários que o Rapha responde! 

 

O conteúdo deste post é de inteira responsabilidade do autor. – escrito por Rapha Fiorentino.

Comentários

  1. Elaine 2 de outubro de 2018 at 22:37
    Responder

    Amei o texto, as dicas! Parabéns por esclarecer de forma leve e simples alguns erros fatais que cometemos! 👍🏼

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esquadrão da moda