Dores no joelho

0 Love

As dores nos joelhos aparecem pelos mais variados motivos. Pode ser por sedentarismo, excesso de exercícios ou até atividades malfeitas. Pessoas acima do peso também tendem a ter dores nessa região. Normalmente as dores vão e voltam… Atrapalhando o dia a dia de qualquer um.

Nesse post, vou dar algumas dicas para tentar aliviar a sensação de dor. Obviamente que dores constantes precisam ser analisadas por médicos especialistas. Nossas dicas podem ajudar em casos simples como tensão ou sobrecarga. No caso de joelho lesionado, o tratamento é mais específico e necessita de um bom ortopedista!

O primeiro passo, até certo ponto bem conhecido, é o gelo. Fazer gelo de 10 a 15 minutos, 3 vezes por dia, ajuda a aliviar as dores e inflamação. No caso de traumas como quedas ou batidas, o gelo ajuda a diminuir o inchaço na região.

Após a diminuição do inchaço, é hora de aplicar calor. Um pano morno com a mesma frequência do gelo – 10 a 15 minutos, 2 a 3 vezes ao dia. Isso alivia a dor e melhora a circulação na região. Mas cuidado: caso o joelho ainda esteja inchado, a compressa morna pode piorar o inchaço.

Normalmente, dores nos membros inferiores, tais como os joelhos, se devem à má circulação. Parar uma vez ao dia e colocar as pernas para cima ajuda a circulação a se normalizar, aliviando também as dores.

Uma outra dica interessante é massagear o joelho com dor. Sabe aquele “osso redondo” no meio do joelho? É a patela. Pressione-a levemente com os dedos em todas as direções, com a perna estendida e apoiada numa cadeira ou similar. Isso ajuda a “soltar” um pouco a região que está tensa, dura.

Finalmente, o alongamento. Alongar os músculos que circundam o joelho, as articulações e as membranas geralmente ajuda a aliviar dores e tensões. Nesse caso, o alongamento deve ser suave, sem pressionar demais o joelho em sua flexão, respeitando o limite da dor. No caso específico de dor no joelho, indico, a princípio, apenas o alongamento abaixo:

A ideia é segurar em uma base fixa, sem tentar se equilibrar para evitar giros ou torções do joelho. Se após 3 ou 4 dias desses cuidados básicos não houver melhora, é hora realmente de procurar um médico especialista, para cuidar dessa articulação importante tão para o nosso dia a dia.

 

Se você tiver alguma dúvida, mande suas perguntas nos comentários que o Rapha responde! 

 

O conteúdo deste post é de inteira responsabilidade do autor. – escrito por Rapha Fiorentino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esquadrão da moda